ADIANTAMENTO DE RECEBÍVEIS: PLANEJE-SE FINANCEIRAMENTE

Você sabe que aquela disputa na justiça vai render uma indenização e possivelmente vai conseguir um adiantamento de recebíveis. Ou, ainda, que o processo contra a União vai gerar um título precatório. O próximo passo é sonhar com o que você vai fazer com esse valor que receberá, certo?

De fato, dinheiro é a solução para muitos problemas. E quem não gosta de gastar? Ainda mais se o valor for um crédito judicial e representar uma recompensa por danos sofridos. 

Ideias de como gastar o dinheiro, não faltam. Mas é sempre mais interessante fazer com que ele renda ou traga um prazer duradouro. Contudo, antes de se deleitar com um sentimento passageiro, melhor ter consciência de que nada dura para sempre e você pode perder tudo rapidamente.

Não interessa quanto você pode ganhar, o que vale mesmo é o que você vai fazer com seu dinheiro. Para usar o dinheiro com inteligência, é preciso ter disciplina e planejamento. Preparamos algumas sugestões que vão te ajudar a se planejar com as finanças:

Pague suas dívidas

Antes de aproveitar a dinheirama que conquistou com o adiantamento de recebíveis, você precisa identificar e negociar suas dívidas. Considere reservar uma parte do seu dinheiro para quitá-las. Estude seus débitos e dê preferência para aqueles que têm juros mais elevados. Isso vai ser fundamental para que você não se atrapalhe com as despesas no futuro.

Controle sua empolgação

Então, você não tem dívidas e sua cabeça está borbulhando com ideias nada brilhantes de como gastar o dinheiro. Pare já! Raciocine com calma, respire fundo e entenda qual seria o melhor lugar para investir o seu dinheiro.

Avalie os riscos das suas ideias, afinal, dinheiro acaba – e você não quer isso. Considere deixar, por um tempo, seu dinheiro rendendo para você. Talvez valha mais a pena pensar em investir no Tesouro Selic, CDB ou mesmo em um fundo de investimento, antes de botar dinheiro em uma ideia pouco estudada.

Pensamento a longo prazo

Tenha uma reserva de emergência e monte um plano para se manter sempre no azul e não pense em gastar tudo agora. Planeje-se para ganhar mais e consequentemente conquistar coisas maiores no futuro.

Conhecimento é tudo

Sabe um investimento que você nunca perde? É quando você investe em si mesmo. Dedique o tempo necessário aos estudos, faça cursos que sejam específicos e se enquadrem nos seus sonhos e metas. 

Quem adquire conhecimento, consegue pensar melhores formas de multiplicar o dinheiro com mais segurança. Vale tudo, curso online, presencial, leituras de artigos. Coloque a sua cabeça para trabalhar!

Gaste com consciência

Não é proibido gastar, o conselho aqui é ter consciência sobre seus gastos e analisar as suas reais necessidades. Você realmente precisa trocar seu carro? Se sim, que tal estabelecer um limite de valor para essa aquisição e buscar pelo melhor negócio. Esperar pelo melhor momento da compra dos sonhos, pode ser o melhor negócio.

O dinheiro compra a felicidade?

Não se iluda ao gastar o dinheiro com objetos físicos. Coisas novas são excitantes apenas no momento da compra, depois, nos adaptamos e esquecemos da sensação inicial. Gaste com experiências, fazendo atividades ao ar livre ou viajando (depois da vacina contra o coronavírus!). 

“Nós somos a soma total de todas as nossas experiências”, disse o Dr. Thomas Gilovich, psicólogo e professor da Cornell University que estuda a questão do dinheiro e da felicidade há mais de 25 anos.

Caso você tenha algum processo trabalhista ou de precatório em andamento e não vê a hora de receber seu dinheiro, não perca mais tempo esperando. Que tal fazer um Bomtrato? Fale com a nossa equipe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *